Brazil

Chineses demonstram interesse em Carille para 2020; treinador e estafe no foram procurados

Carille despertou o interesse de clube chin

Carille despertou o interesse de clube chins para prxima temporada

Danilo Fernandes/ Meu Timo

O treinador do Corinthians, Fábio Carille, despertou o interesse do Tianjin Teda, da China, para a temporada de 2020. Mas nem treinador nem seu estafe foram procurados pelo clube chinês, segundo apuração do Meu Timão.

O interesse foi divulgado na noite desta terça-feira pelo site Yahoo Esportes. Um empresário brasileiro, em nome do Tiajin Teda, teria em mãos um documento com uma oferta oficial ao comandante alvinegro.

A reportagem do Meu Timão, na sequência, conversou com pessoas próximas ao treinador do Timão e também com seu empresário, Paulo Pitombeiras. O lado de Carille foi claro na resposta: não houve qualquer negociação nem oferta oficial.

Leia também:
Vagner Love pode ser primeiro jogador do Corinthians a ser artilheiro da Sul-Americana
Técnico do Independiente diz que duelo com o Corinthians será o maior da sua vida
Boselli treina separado, mas deve ficar à disposição para duelo com Fluminense

O documento, apesar de não ter chegado às mãos do treinador, é de conhecimento do agente de Carille. Pitombeiras, porém, só tem ciência de que a procuração, que autoriza uma oferta do clube chinês ao treinador, tenha sido enviada à imprensa. O agente garantiu estranhar que o papel não tenha sido enviado diretamente a ele.

Nesta quarta-feira, Carille e seus estafe devem divulgar uma nota oficial confirmando que não houve proposta para o treinador assumir o time da China. Carille voltou ao Corinthians para a temporada de 2019 e tem contrato até o final do ano que vem.

Em tempo: a multa rescisória de Fábio Carille, acertada em seu retorno, é na casa dos R$ 6 milhões.

Veja mais em:
Fbio Carille e Mercado da bola.


Source link

Tags
Show More

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Close
Close
%d bloggers like this: